Problemas com a inadimplência de clientes? Saiba o que fazer!

Tempo de leitura: 3 minutos

A manutenção de um negócio exige diversas rotinas, entre elas o pagamento das contas para o seu funcionamento: aluguel, energia, fornecedores etc. Por isso, enfrentar a inadimplência de clientes é uma tarefa difícil, principalmente porque ela pode impedir o cumprimento das obrigações da empresa com os credores.

Contudo, existem algumas estratégias que podem ser utilizadas para lidar com esse problema e reduzir as ocorrências. Se você quer saber quais são, continue a leitura deste post!

Faça análises de crédito

Para lidar com a inadimplência é fundamental investir na prevenção. Sempre que for fechar uma venda com concessão de crédito, solicite os documentos pessoais do cliente (RG e CPF), de residência e, se possível, um comprovante de renda para avaliar a capacidade de pagamento do comprador.

Com o nome e o CPF ou CNPJ do consumidor, faça uma consulta aos serviços de análise de crédito, como SPC e Serasa. Eles fornecem informações sobre eventuais pendências financeiras, cheques sem fundos e protestos de títulos, além de indicar a participação societária em negócios.

Também é possível obter o score de crédito — uma classificação do consumidor que indica a probabilidade de inadimplência. Consultando esses dados, é possível analisar os riscos da concessão de crédito e verificar se ela será viável.

Tenha um histórico dos clientes

Para auxiliar a análise de crédito, a empresa pode manter um histórico dos seus clientes com informações sobre outras transações, que poderá ser acessado sempre que houver uma nova compra.

Fazendo isso, você terá um controle sobre os seus consumidores, verificando quem costuma pagar sempre em dia, os que atrasam de forma eventual e os inadimplentes.

Essas informações ajudam na hora de analisar a concessão de crédito e direcionar ações de cobrança. Por exemplo, ocasionalmente, um cliente atrasa os pagamentos por esquecimento e sempre que a empresa entra em contato ele já quita o débito.

Em uma situação dessas, devidamente sinalizada no cadastro, é possível agendar ações de cobrança, antes do vencimento, para lembrar o cliente e garantir o pagamento no prazo.

Crie um sistema de cobrança

Mesmo tomando os cuidados já citados, às vezes, o cliente não paga a conta no prazo. Podem acontecer problemas de saúde ou de ordem pessoal, desemprego ou, até mesmo, o não pagamento intencional.

Para lidar com todas essas situações a empresa precisa ter um sistema eficiente de cobrança, que deve ser iniciada nos primeiros dias de atraso. Mas, tenha cuidado para não constranger o consumidor e caracterizar uma cobrança abusiva!

Ao implantar ações de cobrança, é importante saber negociar e oferecer outras soluções para pagamento, como parcelamento ou redução de juros. Esse pode ser o diferencial entre recuperar ou não o crédito devido.

Premie os bons pagadores

Outra dica é premiar os bons pagadores, incentivando-os a continuar assim. Ofereça descontos para pagamentos à vista ou antes do vencimento, condições diferenciadas em novas compras para esses clientes, brindes ou crie outras formas que sejam adequadas ao seu negócio.

Busque estratégias que sejam vantajosas ao consumidor e o valorizem. Com isso, além de melhorar o relacionamento com o consumidor, a sua empresa conseguirá reduzir os problemas causados pela inadimplência de consumidores.

Utilize a tecnologia a seu favor

Para ajudar a colocar essas dicas em prática e monitorar as cobranças, você pode contar com um software de gestão e usar a tecnologia a seu favor. Cadastrando as informações de consumidores e vendas, a empresa conseguirá identificar os pagamentos em aberto, auxiliando no seu controle e na implementação das ações de cobrança.

Seguindo essas dicas, você conseguirá controlar a inadimplência de clientes no seu negócio e buscar as melhores soluções para receber os pagamentos.

Então, este texto esclareceu o que fazer para lidar com a inadimplência de clientes? Se você gostou deste post, aproveite para descobrir como um sistema de vendas pode melhorar a produtividade do negócio!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *