Curva ABC: saiba como este método pode ajudar na gestão de estoque

Tempo de leitura: 6 minutos

Você já ouviu falar em curva ABC? Sabe qual a sua importância para a correta gestão de estoque? Muitas vezes o empresário pensa que, por se tratar de uma loja de varejo, não é necessário manter ferramentas para controle de estoque.

Pensar dessa forma é um equívoco, visto que a correta gestão do estoque é importante para todas as empresas, independentemente do porte e do produto ou serviço que elas comercializam.

Para você entender melhor, no post de hoje vamos explicar como funciona o método, a sua importância e como implantá-lo no seu negócio. Confira!

O que é curva ABC?

Trata-se de um conceito no qual os itens são organizados por ordem de relevância. Você pode fazer isso com o seu estoque para identificar com mais facilidade onde precisa investir mais recursos. A classificação ficaria assim:

  • classe A, com itens que correspondem a 20% do total e que têm grande importância, quantidade e valor com demanda que pode chegar a 65% em algumas épocas;
  • classe B, que diz respeito aos itens que correspondem a 30% do total com importância, quantidade e valor intermediários e com períodos nos quais a demanda chega a 25%;
  • classe C, os itens que correspondem a 50% do total, têm pequena importância, quantidade e valor e a demanda pode chegar a 10% em algumas épocas.

Esses números não são fixos e podem variar um pouco para mais ou para menos. A curva ABC também é conhecida como método 80-20, já que 80% do investimento em estoque se destina a apenas 20% dos itens.

Como ela se aplica à gestão do estoque?

O controle de estoque está diretamente ligado ao fluxo de caixa, correto? Isso porque o empresário precisa saber claramente se o caixa tem fechado o mês com saldo positivo ou se, ultimamente, não consegue sair do vermelho.

Para ter esse controle, é preciso analisar o giro dos produtos em estoque e o quanto eles ficam expostos a certos riscos. Alguns são vendidos apenas para uma pequena quantidade de clientes ou dependem de alguns fornecedores específicos. Esses são alguns dos fatores que precisam ser levados em conta na hora da análise.

Qual a importância desse conceito?

A curva ABC na gestão de estoque permite ao empresário ter total ciência de tudo o que tem em estoque e quais as possibilidades de venda. Isso o ajuda a pensar melhor em quais produtos vale a pena investir maiores valores e proporciona algumas vantagens, como as listadas a seguir.

Analisar os produtos

Uma vez que você deseja implantar esse método, já começa a analisar os produtos que vende. Essa fase é importante para entender onde cada um deles deve ser classificado.

O controle de vendas faz toda a diferença nessa hora, pois essas diretrizes são definidas com base no histórico de entrada e saída de cada item e também na procura por eles no dia a dia.

Fazer os investimentos corretos

Investir em produtos que têm pouca saída significa ficar com dinheiro parado em estoque. Essa quantia pode fazer falta no pagamento de uma conta, por exemplo, especialmente se o seu negócio estiver no começo. Deixar um produto que tem muita saída faltar, por outro lado, significa correr o risco de perder não somente vendas, mas também clientes.

Não atender a um cliente significa deixá-lo livre para ir ao concorrente e ele dificilmente voltará. A curva ABC possibilita comprar produtos para estoque de acordo com a demanda por cada um deles. Dessa forma, você não fica com dinheiro parado e nem sofre a falta de itens de grande importância.

Otimizar o espaço

Além de dinheiro parado, manter uma grande quantidade de itens que têm pouca saída significa ter que dispor de um grande espaço físico. Muitas vezes, o estabelecimento conta com um local pequeno para guardar mercadorias e é por isso que é importante otimizá-lo.

Investir nos itens certos faz com que você tenha uma grande rotatividade e isso facilita na hora de organizá-los no estoque. Em caso de itens perecíveis, é preciso ficar atento à data de validade e adotá-la como critério na hora de utilizá-los.

Como implantar a curva ABC?

Se você entendeu a importância do método para uma boa gestão de estoque e está pensando em implantá-lo, temos abaixo algumas dicas importantes. Muitos empresários até têm essa consciência, mas acabam desistindo por não saber bem por onde começar.

Se você está nessa situação, antes de desistir, leia as nossas dicas e veja como a implantação será mais fácil do que parece.

Faça uma lista de estoque

Caso você nunca tenha feito o controle, liste todos os itens que você tem em estoque. Observe por alguns dias quais têm maior saída e vá anotando. Se possível, procure as notas fiscais de compra para ter uma ideia de quanto tempo eles costumam ficar estocados antes de serem vendidos.

Não se esqueça de anotar também os valores de cada item. Em seguida, some o valor total de cada um e classifique-os por esse critério e em ordem decrescente.

Realize comparativos

Uma vez com a posse desses dados, você conseguirá definir a porcentagem que cada produto representa no total do estoque. Aqueles que tiverem maior representatividade  — perto dos 80% — devem receber maior atenção e um estoque de segurança reduzido.

Você vai encontrar também itens de menor representatividade — aqueles que pertencem à classe C. Esses produtos podem contar com sistemas de controle mais simples e um amplo estoque de segurança.

Conte com uma ajuda tecnológica

Fazer tudo isso manualmente pode não ser uma boa ideia. Quanto mais você usar o papel, mais estará sujeito a falhas humanas e erros na reposição de itens. Daí surge a importância de utilizar um software de gestão para aplicar o método.

Através de uma ferramenta capaz de integrar dados de todos os setores, basta somente lançar as entradas e saídas de itens corretamente.

Dessa forma, você não vai precisar de grandes esforços para identificar os itens de maior e menor venda e, dependendo da ferramenta escolhida, poderá ter acesso até mesmo a análises já pré-estabelecidas.

Percebeu como a curva ABC ajuda na redução de desperdícios e na otimização dos investimentos em produtos? Com esse sistema, seu trabalho será otimizado e você terá mais tempo para focar em outras tarefas tão importantes quanto essa.

Se você gostou do post, entre em contato conosco e conheça nossos sistemas de gestão de estoque. Você vai ver como tudo fica mais fácil com a ajuda da tecnologia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *